A importância da agricultura familiar!

A importância da agricultura familiar!

A agricultura familiar colabora para a geração de renda e emprego no campo e ainda melhora o nível de sustentabilidade das atividades no setor agrícola. Sendo assim, a qualidade dos produtos é superior aos outros convencionais.

Ela é realizada por pequenos produtores em que o sistema agropecuário é mantido pelo núcleo familiar e, no máximo, por alguns poucos funcionários assalariados.

Um fator importante da agricultura familiar está na grande produção de alimentos que essa atividade realiza, pois, na maioria dos casos, os agricultores familiares não direcionam suas mercadorias ao mercado externo, mas sim para o atendimento imediato de sua produção.

Na maioria dos casos, os produtores familiares não utilizam uma grande quantidade de agrotóxicos, fato que associa, muitas vezes, a agricultura familiar à agricultura orgânica, ou seja, mais saudável.

Outra característica é que esse segmento da economia agrícola não emprega uma grande quantidade de maquinários, algo mais comum nas grandes propriedades, não havendo, portanto, a substituição do trabalhador do campo pelos equipamentos.

Mesmo com a pequena proporção das terras no país, a agricultura familiar é responsável por:

– 87% da produção de mandioca

– 70% da produção de feijão

– 59% da criação de suínos

– 58% da produção de leite

– 50% da criação de aves

– 46% da produção de milho

– 38% da produção de café

– 34% da produção de arroz

– 30% da criação de bovinos

– 21% da produção de trigo

Fonte: Censo Agropecuário

Como você pode conferir, a principal característica da agricultura familiar está associada à policultura, ou seja, o plantio de diversos tipos de produtos.

Mesmo com um quinto das áreas agrícolas do Brasil, o segmento é responsável por cerca de um terço da produção total. Isso prova o grande índice de produtividade dos pequenos produtores brasileiros.

A Bahia é o estado com o maior número de agricultores familiares do Brasil.

E a Pegorari está sempre ao lado desses agricultores oferecendo ferramentas das melhores marcas e da melhor qualidade.

Como vimos, a agricultura familiar é a verdadeira responsável pela geração de riquezas e de alimentos para o país. Promove o desenvolvimento socioeconômico e cultural das comunidades locais. Incentivá-la é uma questão de bom-senso!

 

Deixe uma resposta