5 tipos de legumes e verduras que você pode cultivar em casa

5 tipos de legumes e verduras que você pode cultivar em casa

Uma boa salada precisa de legumes e verduras fresquinhas para ficar ainda mais gostosa. 

Além dos benefícios físicos e mentais de se cultivar uma horta, o hábito também pode ajudar as pessoas a terem uma alimentação mais saudável e a gastar menos dinheiro.

Nós preparamos uma lista com cinco tipos de legumes e verduras mais fáceis de cultivar em casa. Confira também os benefícios que eles podem trazer à saúde.

– Alface: A alface é rica em vitaminas, como cálcio e ferro. Além disso, possui propriedades calmantes que, se ingeridas à noite, ajudam a dormir melhor. É também um dos alimentos mais contaminados por agrotóxicos no Brasil, segundo a Anvisa. Diante disso, plantá-la em casa torna-se ainda mais atrativo e seguro. E mesmo em pouco espaço é possível ter a verdura sempre fresca e assim aproveitar todos os seus benefícios nutricionais.

– Tomate: É um dos alimentos mais fáceis de plantar e é comum ser o ponto de partida dos iniciantes na aventura de ter uma horta em casa. A diferença de sabor entre um tomate cultivado em casa e um que veio do supermercado pode ser gigantesca. As vantagens do tomate para a saúde estão na quantidade de nutrientes, como potássio e fósforo, assim como antioxidantes e vitaminas A, C e E. É importante plantar o tomate em solo profundo, porque ele desenvolve raízes grandes e extensas. As folhas mais próximas do solo são mais propensas a contaminações, então devem ser eliminadas regularmente.

– Cenoura: Cenouras possuem betacaroteno, substância que estimula a produção de melanina, responsável pela pigmentação da pele. Assim, seu consumo é aliado para um bronzeado perfeito e durável. Rica em vitamina A, também contribui para a saúde dos olhos. A cenoura também é apontada como um dos alimentos que mais recebem agrotóxicos, que, como se sabe, são um risco para nossa saúde. Para evitar exposição a esses riscos e manter uma dieta sempre saudável, a cenoura pode fazer parte de sua horta caseira. Escolha um local em que a planta tenha contato direto com o sol, em vasos com no mínimo 20 cm de profundidade.

– Pepino: O pepino é composto por 95% de água, por isso é um alimento que pode mantê-lo hidratado caso você não tenha água por perto. Além disso, traz diversos benefícios para o organismo, como ajudar na prevenção da pressão alta, se for consumido regularmente. O pepino também é um dos alimentos mais contaminados por agrotóxicos no Brasil, por isso é uma ótima alternativa cultivá-lo em casa. Quanto maior o vaso em que ele for plantado, maior será o espaço que o vegetal terá para se desenvolver, rendendo assim maiores colheitas. Recomenda-se também uma tela de arame próximo da planta para que ela possa se enrolar.

– Cebolinha: É considerada por muitos um tempero indispensável. Com ela, as receitas ganham mais sabor, sem que isso aumente as calorias das refeições. Com presença marcante, a cebolinha também faz a diferença na nossa saúde, já que seu consumo traz benefícios ao corpo, como auxiliar no controle da pressão arterial. Pensando nisso, ter cebolinha sempre fresca e presente na sua dieta é possível mesmo sem muito espaço para plantá-la em casa. Para isso, é necessário procurar um lugar onde exista luz solar diretamente.

Gostou das nossas dicas? Agora é só colocar a mão na massa, ou seja, na terra e fazer a sua própria horta em casa!

Deixe uma resposta