Apoiar a indústria nacional é fortalecer a economia e a geração de empregos

Apoiar a indústria nacional é fortalecer a economia e a geração de empregos

Não apenas no Brasil, mas em todos os países, a indústria é e continuará sendo extremamente importante para o desenvolvimento econômico e social. Infelizmente grande parte das empresas brasileiras estão sofrendo com as consequências do cenário atual. A pandemia de covid 19 trouxe para muitos empreendedores a dúvida sobre o que fazer neste momento, ao mesmo tempo, revelou-se a necessidade de impulsionar e conscientizar sobre a importância da indústria nacional. 

Em 2020 uma campanha foi desenvolvida com o apoio de diversas entidades, como a CNI, SESI, SENAI e outras, com o objetivo de estimular a população a consumir produtos produzidos nacionalmente e, sobretudo, apontar os benefícios de apoiar a produção brasileira. 

Mesmo em um cenário desfavorável como o qual vivemos, a indústria ainda conseguiu fechar o ano de 2020 com o saldo positivo no índice de empregabilidade. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregos e Desempregados (Caged), o Brasil gerou no ano passado mais de 207 mil postos de trabalho, somente a indústria gerou aproximadamente 143 mil empregos. Estes números demonstram a grande importância deste setor que tanto tem a oferecer para a população, assim como para a economia brasileira. 

A indústria tem desenvolvido um papel estratégico com seus investimentos em tecnologia e inovação, que desencadeiam na qualidade e no fortalecimento cada vez maior de todo o setor produtivo. Diante disso, conseguimos encontrar por exemplo, uma variedade de sementes mais produtivas, defensivos seguros e eficazes, além de equipamentos e máquinas cada vez mais modernas que aumentam a competitividade e qualidade da agricultura. 

Constantemente a indústria viabiliza o desenvolvimento de serviços de alto valor agregado, como pesquisas científicas, logística, marketing e muitos outros. Isso mostra que, além da nossa agricultura, que está entre as mais competitivas e avançadas do mundo, tanto o comércio como o setor de serviços dependem da operação de uma indústria forte e moderna no país. 

Ao analisar os números quanto à relevância da indústria para o Brasil, é possível perceber que ela é responsável por 21% do Produto Interno Bruto (PIB) e 20% dos empregos formais no país, 70% das exportações brasileiras de bens e serviços, 72% dos gastos em pesquisa e desenvolvimento (P&D) da iniciativa privada e 33% da arrecadação de tributos federais. 

Apoiar a indústria nacional é, portanto, dar melhores condições para que este setor possa voltar a produzir em plena capacidade e retomar seu fôlego em busca da recuperação econômica, além de aumentar postos de trabalho e contribuir para o avanço social do país. 

Pegorari uma empresa 100% nacional e que a mais de 100 anos apoia a indústria do país.

Deixe uma resposta